Alimentação Saudável Vegetariana: Despertar de uma Nova Atitude

26/01/2018

 

 

Nossa sociedade é composta por indivíduos diferentes que crescem e se desenvolvem conforme suas crenças e hábitos. Entretanto, são as diferenças que nos desafiam a descobrirmos os verdadeiros valores que impulsionam a nossa conduta em prol de um bem maior.

 

Você também sente vontade de mudar sua alimentação para melhor e buscar uma vida mais saudável no seu dia a dia? Eu incentivo você a começar agora, seja vegetariano!  

 

Escolher uma dieta vegetariana vai transformar sua vida. Além da mudança de hábitos alimentares, haverá mudança de hábitos sociais e ambientais, por aqueles que adotarão uma vida sem carne. Além de ser uma dieta fácil e saudável, ela pode ser criativa e alegre, pois contribui para com a saúde e protege o meio ambiente.

 

O vegetariano é aquele indivíduo que não come nenhum tipo de carne e nenhum tipo de derivado. Entretanto, há alguns vegetarianos que consomem produtos de origem animal como leite, queijo, mel e ovos, são os ovo-lacto-vegetarianos. Já os frugívoros, são vegetarianos que só consomem frutas. Cada um se adapta ao que lhe faz bem, colocando na balança os benefícios para a saúde que o vegetarianismo traz. Pesquisas realizadas comprovaram que vegetarianos têm 50% menos diabetes, 31% menos cardiopatias dentre outras melhorias para a saúde física, mental e espiritual.

 

Ser vegetariano não é só comer folhas verdes. Existem inúmeras receitas deliciosas para você fazer em casa com combinações de alimentos que você nem sonhava. Além disso, os restaurantes vegetarianos já possuem um vasto cardápio com combinações incríveis e muito saborosas, experimente!

 

Dica 1 | Lembre-se de ingerir também a vitamina B12, importantíssima na manutenção do nosso organismo. Para os vegetarianos a vitamina B12 pode ser encontrada no leite, queijo parmesão e gema do ovo, ou se preferir, ser consumida como complemento vitamínico em forma de cápsulas.

 

 

Mesmo com tanta tecnologia e facilidades que encontramos hoje em dia, muitas pessoas ainda sentem em seu interior que algo precisa mudar em seus hábitos alimentares para que sua saúde seja plena, falo aqui de saúde espiritual, e que não depende da opinião dos outros. Se este sentimento pelos animais já lhe toca a alma, então já é um indício que estás no caminho do despertar interior.

 

É preciso parar para pensar sobre nossos valores em prol de uma sociedade mais justa, fraterna, inclusiva e que reflita um amor maior pelo próximo, pela natureza, nossas árvores, nossas águas, nossos animais, e tudo que sustenta a vida na Terra. É preciso compartilhar o amor e o carinho que a maioria da sociedade tem pelos animais domésticos como cães e gatos, aos demais animaizinhos do planeta.

 

A vida é nosso bem maior, mas para que ela continue evoluindo no planeta, é preciso uma conscientização de toda a sociedade em preservar as espécies, desde o reino vegetal, o reino animal e a própria espécie humana.

 

Afinal para onde estamos caminhando? Será que ainda precisamos comer carne com tantos grãos ofertados pela natureza? Existem variedades de verduras, legumes, cereais, hortaliças, frutas e grãos à venda em nossos supermercados. Para quem prefere os alimentos orgânicos existem as feiras-rurais onde os pequenos agricultores locais oferecem uma diversidade de alimentos sem agrotóxicos, além dos produtos orgânicos embalados que já estão disponíveis nos mercados. Do mesmo modo, podemos com muita facilidade plantar uma pequena horta em casa, tanto no quintal ou mesmo nas sacadas dos apartamentos.

 

Hoje com a mídia, a internet e os meios de comunicação ampliados existem inúmeras receitas vegetarianas fáceis e baratas de fazer em casa, todas com muita criatividade, amor e carinho. Com dedicação você pode aprender a preparar pratos deliciosos de maneira simples, que além de saborosos ficarão agradáveis aos olhos e ao paladar.

 

Dica 2 | Conheça algumas especiarias que realçarão o paladar de qualquer prato vegetariano: açafrão, alho em pó, canela, cardamomo em pó, cebola em pó, coentro, cominho, cravo, cúrcuma, curry em pó, gengibre, kümmel, mostarda em pó, noz-moscada, páprica, pimenta calabresa, pimenta vermelha, pimenta-da-jamaica moída e pimenta-do-reino.

 

 

Somos livres para mudar nossas atitudes graças ao livre arbítrio, onde podemos escolher nossos pensamentos, sentimentos, atitudes e ações. Em se tratando dessas escolhas, algumas pessoas buscam se informar e adquirir um esclarecimento maior sobre assuntos como: sustentabilidade, ecologia, preservação das espécies, alimentação saudável, vegetarianismo, veganismo e com isso estão despertando para uma evolução da consciência planetária rumo a uma nova era.

 

E nesta conscientização podemos reconhecer que todos somos parte de um todo, e para que o “eu” evolua é preciso deixar que o “outro” evolua também. Qual é a sua escolha?

 

"Quando me tornei vegetariano, poupei dois seres, o outro e eu." Prof. Hermógenes

 

Mas será que ainda podemos mudar o mundo? Sim, precisamos ter esperança, nos reunir em palestras e workshops educativos, mudar as crenças e os paradigmas. Nossa quietude precisa mudar, para que outras pessoas se tornem mais conscientes de seus atos.

 

A comunidade científica da Universidade de Harvard diz que a quantidade de carne numa dieta saudável é precisamente zero. Da mesma forma, a Organização Mundial da Saúde – OMS confirma que a dieta ideal á aquela que apresenta baixo teor de gordura e elevado conteúdo de fibras, além de ser rica em carboidratos complexos, e zelar pelo consumo frequente de frutas, verduras, hortaliças, cereais integrais, legumes, além de frutas secas oleaginosas. Neste sentido, quando buscamos uma dieta saudável estamos num processo de transição para sustentabilidade. Tudo vem das escolhas e decisões, individuais e coletivas das pessoas.

 

E o grande desafio da sociedade será desenvolver alimentos saudáveis em grande escala para atender toda a humanidade de forma sustentável, saudável e consciente. E após esta mudança alimentar acontecer, todos saberemos que nenhuma espécie de animal precisa morrer para que a humanidade possa sobreviver.

 

A agricultura sustentável pode produzir o suficiente para suprir as necessidades de todos. Temos conhecimento e tecnologia para produzir alimentos saudáveis para todos.

 

 

Dica 3 | Conheça algumas ervas (frescas ou secas) que realçarão o perfume de qualquer prato vegetariano: alecrim, endro, estragão, louro, manjericão, manjerona, orégano, salsinha, sálvia e tomilho.

 

 

Tome uma decisão, mude sua alimentação, mude sua vida, tenha mais saúde e alimente-se “sem carne”. Precisamos pensar de forma mais sustentável quanto às condições sociais em relação a alimentação mundial, mediante o uso da razão consciente, criando e desenvolvendo novos hábitos alimentares equilibrados.

 

Tudo é uma questão de escolha saudável a favor da vida. Comece experimentando novos alimentos, coma cinco frutas por dia, prepare verduras e grãos em novas receitas. Não esqueça dos exercícios físicos e caminhadas ao ar livre. Beba muita água também.

 

Pense, ainda há tempo para mudar sua alimentação para uma vida mais saudável, medite, ouça o seu coração e mude para melhor, com uma alimentação mais saudável livre de animais e ajude a salvar a vida de muitas espécies no planeta.

 

Faça uma reflexão, ilumine a sua consciência e tome uma atitude pela humanidade, pelos animais e pela evolução planetária. É preciso ter esperança com atitude e acreditar que um mundo melhor é possível, e esta atitude começa com cada um de nós.

 

Faça a sua escolha: a vida!

 

 

© Robriane Lara 2018 | www.dimensaodanatureza.com/saude-e-bem-estar

 

Fonte | Créditos >>

 

Veja também aqui no Blog, Categoria Saúde & Bem Estar

algumas Receitas Vegetarianas e no Menu Dicas

Como fazer uma Horta em Jardineiras.