top of page

Como Criar Um Jardim Zen Para Meditar


Jardim zen à beira de um lago | Foto Pixabay
Jardim zen à beira de um lago | Foto Pixabay

Você já pensou em criar um espaço zen para meditar em seu jardim? É muito gratificante ter um pequeno espaço zen no jardim de casa para nos proporcionar boas energias. Seja num apartamento ou em casa com as técnicas do Feng Shui é possível organizar um pequeno jardim para sua terapia e autoconhecimento.


Jovem senhora meditando em seu jardim zen | Foto Marcus Aurelius no Pexels
Jovem senhora meditando em seu jardim zen | Foto Marcus Aurelius no Pexels

Se você mora em apartamento não se preocupe, pois também pode recorrer a uma decoração verde. Já ouviu falar do Urban Jungle Decor? Isto é, uma decoração repleta de plantas em casa, a prática ajuda na saúde física e mental dos moradores, pois as plantas trazem inspiração, tranquilidade e relaxamento. Neste recanto você poderá meditar, ler um bom livro, sentar para tomar um chá, pensar na vida ou apenas para relaxar.


O que muitos especialistas propõem é que esse espaço seja para você como um oásis dentro de sua própria casa, por isso é melhor manter afastados dispositivos eletrônicos como televisões, computadores ou telefones celulares, tudo para bem-estar e harmonia do corpo.


Mulher relaxando em seu canto zen | Foto Rachel Claire no Pexels
Mulher relaxando em seu canto zen | Foto Rachel Claire no Pexels

Seu canto zen não precisa de muito espaço físico ou muitos elementos. Vamos aprender a fazer um?


Construir Um Espaço Zen no Jardim


Espaço zen para meditar no jardim | Foto Pixabay
Espaço zen para meditar no jardim | Foto Pixabay

Construir um espaço zen no seu jardim é uma maneira de ter um local onde você possa meditar, sentar para ler e refletir, buscar autoconhecimento, fazer uma oração, cantar mantras ou apenas relaxar e contemplar a natureza. Com este pequeno local de contemplação você trará serenidade, inspiração e paz para sua casa.


Você não precisa de muito espaço para criar um canto zen e pode construí-lo dentro ou fora de sua casa. O importante é que você junte os elementos essenciais que canalizam a essência do jardim zen: simplicidade, espaço verde e fluidez.


Conhecer os elementos de um jardim zen e seu significado é essencial se você pretende cultivar um jardim com essas características. As pedras, a areia e o cascalho são elementos importantes. As pedras decorativas ou rochas são usadas para evocar as ilhas e as montanhas, que emergem do mar, o grande vazio, representado por areia e cascalho. Assim, cada elemento de um jardim zen tem seu significado.


A seguir, aqui no blog vamos mostrar como montar seu jardim zen para relaxar após um longo dia de trabalho e eliminar o estresse nesse canto da paz.


Elementos de um Jardim Zen em Casa


Pedras, vasos, brita rosa, plantas, estatuetas e madeira | Foto Pixabay
Pedras, vasos, brita rosa, plantas, estatuetas e madeira | Foto Pixabay

Abaixo citamos alguns elementos para utilizar em seu jardim zen, os quais podem ser usados individualmente ou em conjunto, a decoração ficará a seu critério e inspiração:

  • lanterna de pedra;

  • pequeno lago ou fonte para a presença de água;

  • uma ilha, dentro ou fora da lagoa.

  • bonsai;

  • pequenas pedras esculpidas ou estátuas religiosas;

  • pequenas árvores formando sebes ou tapumes de plantas;

  • outras plantas, dentre as quais se destacam bambu. Mas também os japoneses são grandes amantes dos pinheiros.


Luminária de pedra para um jardim zen | Foto Pixabay
Luminária de pedra para um jardim zen | Foto Pixabay

Vantagens de ter um Jardim Zen

  1. Qualquer espaço pode ser adaptado para formar um canto zen.

  2. Um prazer para os sentidos.

  3. Um abrigo longe do estresse.

  4. Um lugar para autoconhecimento e meditação.

  5. Uma terapia natural e holística.

  6. Utiliza técnicas de Feng Shui com o meio ambiente.

  7. Eles se adaptam a qualquer orçamento.

  8. Um bonsai, pedras, areia e uma fonte d’água formam um jardim zen.

  9. Um lugar para compartilhar bons fluídos de paz e harmonia.


Elementos decorativos para um jardim zen para meditar | Foto Pixabay
Elementos decorativos para um jardim zen para meditar | Foto Pixabay

Feng Shui e as Regras para Criar um Jardim Zen

  • Vazio, em ordem, limpo: você sempre precisa ter o seu Jardim Zen limpo e sem restos de coisas. Por exemplo, se estiver fora, você não poderá deixar ervas daninhas. Ter um ambiente limpo e organizado nos ajudará a ficar mais calmos e focados em nossa busca pelo equilíbrio e autoconhecimento;

  • Menos é mais: quanto menos coisas estiverem por perto, você poderá se mover e a energia fluir melhor. É uma ideia que adota o minimalismo moderno;

  • Muita luz natural: entre as possibilidades, encontre toda a luz que puder. Isso significa que não o obstrua com cortinas, pérgulas ou árvores gigantes, pelo menos quando você usa o jardim;

  • A madeira é seu elemento: não há nada mais natural que a madeira. É ótimo montar sua gaveta de jardim ou até complementá-la com bonsais.

  • Cores harmoniosas: predomínio do branco, bege e cinza são algumas cores sutis que trarão melhores acompanhamentos para não distraí-lo. O vermelho pode ser interessante em elementos de madeira, por exemplo, o tori ou pórtico de acesso.

  • Ajude seus sentidos: as texturas ajudarão a sua sensação de toque. O som da areia, pedras e água em movimento. A composição e as cores à sua vista. E para complementar os aromas, utilize os incensos que você mais gosta. Deixe todos os sentidos ocupados para que o relaxamento seja máximo.

  • Elementos: As plantas, o elemento fogo e o elemento água são muito apreciados pelos praticantes de Feng Shui. Isso é muito fácil de implementar com velas e fontes.


Jardim zen assimétrico e harmonioso à beira do lago | Foto Pixabay
Jardim zen assimétrico e harmonioso à beira do lago | Foto Pixabay

Os princípios fundamentais para a boa realização de um jardim zen são simples: a assimetria, o contraste, o equilíbrio e a natureza.


A assimetria diz respeito às formas dos elementos contidos no jardim, onde as formas das plantas devem, de fato, ser sinuosas e agradáveis. A diversidade é usada para evitar as simetrias dos elementos no jardim.


O contraste é fundamental nos jardins zen; de fato, são feitas combinações contrastantes, por exemplo, árvores grandes e altas perto de árvores baixas, um caniço perto do caminho e pedras perto dos lagos.


Lago com pedras, luminária e flores num jardim zen | Foto Pixabay
Lago com pedras, luminária e flores num jardim zen | Foto Pixabay

O equilíbrio é fundamental para conectar todos os elementos que compõe o jardim zen. Cada parte do jardim é importante para inspirar e fortalecer os laços que remetem a meditação e ao relaxamento.


A natureza é o princípio e a fonte fundamental para quem projeta ou constrói um jardim zen em casa.


O Que é um Jardim Zen em Miniatura?


Nicho de madeira para Jardim Zen em miniatura | Foto Cottonbro no Pexels
Nicho de madeira para Jardim Zen em miniatura | Foto Cottonbro no Pexels

A lógica diz que uma paisagem natural em miniatura pode ser criada em um espaço pequeno. Na foto acima, uma caixinha de areia, pedras em miniatura, um vasinho pequeno com galhos e um ancinho pequeno formam o conhecido jardim zen japonês. Uma excelente técnica para relaxamento e acalmar a mente, ideal para quem tem pouco espaço em casa.


Não é o tipo de jardim ocidental onde predominam o verde das plantas e o colorido das flores. É um espaço onde a simplicidade, a espiritualidade e o bom gosto se reúnem para alcançar a paz e a harmonia, evitando todo tipo de distração. Criar e manter um jardim zen é uma maneira de cultivar a serenidade, a paz de espírito e a conexão com a natureza.


Para esse fim, eles foram criados ​​​​pelos monges zen no Japão, que afirmam destacar a beleza do simples e a serenidade do vazio. Portanto, em nosso tipo de vida acelerada, o jardim zen em miniatura ganha mais e mais seguidores todos os dias.


Dicas para o Jardim Zen Tradicional

  • Lembre-se de que o jardim zen tradicional contém poucas pedras ou rochas. Recomenda-se que o número de elementos seja ímpar, de preferência três;

  • Se você não souber quais elementos incluir em seu jardim zen, poderá consultar as fotos deste artigo no blog e observar os elementos que mais atraem sua atenção, para incorporá-los ao seu canto da paz;

  • Você pode encontrar a maioria dos materiais necessários em qualquer loja de jardinagem, decoração ou floricultura;

  • Lembre-se de que o jardim zen é um lugar de meditação. Se você tem filhos pequenos ou animais de estimação, pense bem onde vai colocá-lo;

  • Utilize plantas delicadas como o bonsai (árvores em miniatura), o alecrim, o orégano, a árvore da felicidade e o bambu da sorte.


Dentro de casa: dicas simples


Canto zen no apartamento com plantas, almofadas e palets | Foto Teona Swift no Pexels
Canto zen no apartamento com plantas, almofadas e palets | Foto Teona Swift no Pexels
  • um par de almofadas e um pouco de incenso;

  • uma imagem de Buda ou estatuetas religiosas;

  • vasos de plantas em cachopos;

  • velas e luminárias;

  • elementos feitos com materiais naturais, como madeira reciclada em palets, vime e outros.

E para finalizar duas frases para sua reflexão em seu jardim zen:

“A paz vem de dentro de você mesmo. Não a procure à sua volta.” Buda
“Se você realmente ama a natureza, encontrará beleza em todos os lugares.” Vincent Van Gogh